Veículos Elétricos – Modernidade Sustentável

          Conforme os tempos foram se desenvolvendo, novas formas de transporte foram surgindo, saímos da tração animal para entrar na era das máquinas. Agora, possuímos um novo objetivo, uma nova forma de locomoção que seja mais prática e que não agrida tanto o meio ambiente. Atualmente essa solução já existe, os famosos veículos elétricos.


Mas, o que são veículos elétricos?


          Veículos elétricos são todas e quaisquer formas de transporte que se utilizem da propulsão por meio de motores elétricos, em que sua energia fica armazenada por meio de baterias. O uso de combustíveis como gasolina ou diesel, é completamente dispensável, resultando em um veículo que não emita qualquer tipo de gás poluente ou ruídos.


          A história dos elétricos, por mais que não possa parecer, é bem longa. Começando em 1828, com o primeiro projeto elétrico iniciado pelo húngaro Ányos Jedlik, mas com o primeiro veículo elétrico só sendo construído em 1835 pelas mãos de Thomas Davenport em Vermont. Após isso, novas patentes foram sendo criadas e desenvolvidas com o passar dos anos até a atualidade.


          Vindo para solo brasileiro, mais de 100 anos depois, já no ano de 1974, foi apresentado no Salão de São Paulo o Itaipu. Primeiro automóvel elétrico construído na América Latina, desenvolvido pela Gurgel Motores, um minicarro com capacidade para dois passageiros e lataria feita de vibra de vidro, foi pioneiro no uso da eletricidade no motor.


          O modelo não ganhou produção em série, mas serviu de modelo para o E-400, primeiro utilitário elétrico produzido em larga escala no Brasil entre 1981 e 1982, sendo vendido em poucas quantidades devido a baixa velocidade máxima alcançada, a pouca autonomia do motor e sua demora para recarga.


          Atualmente já possível encontrar veículos elétricos que se assemelham aos de combustão, e muitas montadoras já deram início ao processo de transição para esta nova prática, lançando carros totalmente elétricos ou híbridos. Nas cidades, temos um contato mais direto, ao que já temos ônibus e bondes, que já se utilizam da eletricidade a muito tempo, scooters, bicicletas e patinetes – estes dois últimos possuindo aplicativos próprios para locação.


          Uma forma inovadora e sustentável de se locomover, não é mesmo?



Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Outras Postagens

PCD: Inclusão no mercado detrabalho da logística

          A inclusão social é um debate que vem sendo cada dia mais colocado no centro das organizações, principalmente sobre a inclusão de pessoas com deficiência. O que muitas corporações enxergavam como sendo somente o cumprimento da legislação brasileira, vem mudando.

E-commerce e logística após covid-19

          O vírus da covid-19 transformou o mundo de forma, infelizmente, drástica, fazendo com que muitas empresas se obrigassem a uma readaptação e reinvenção para sobreviver a este período. Mas, como será que o mercado se portará no período pós pandemia? A

A Importância da leitura para crianças

          A infância é uma fase determinante no desenvolvimento de um indivíduo, é quando construímos nossos gostos, iniciamos nossos repertórios de referências e definimos grande parte da nossa personalidade. É exatamente por estar “em construção” que a criança vê o mundo de